Fit6


3 de Fevereiro de 2020

Adoçante? Sim? Não?

Adoçante? Sim? Não?

No processo de perda de peso há a necessidade de reduzir calorias, de fazer escolhas alimentares inteligentes, de retirar açúcares. Os adoçantes mostram-se uma alternativa aparentemente perfeita: não contêm açúcares, nem calorias, mas conferem um sabor doce aos alimentos. O poder adoçante é, normalmente, muito superior ao dos açúcares.

Amplamente utilizados pelos diabéticos, o seu uso passou a ser popular na perda de peso, pelas caraterísticas acima referidas.

Mas será que esta é uma opção saudável?

Sabemos que para perder peso é necessário fazer escolhas. Muitas vezes essas decisões passam por uma análise risco/benefício. Sendo a maioria dos adoçantes de origem sintética, é preciso ter consciência que, ao usar, está a ingerir algo bastante processado e com efeito a nível metabólico. Há consequências do uso constante!

Que tipo de adoçantes o mercado disponibiliza?

A escolha de um adoçante, pode ser um autêntico desafio. A oferta é tanta que é quase impossível não se sentir perdido.

Aspartame

Edulcorante de mesa em forma líquida à base de glicosídeos de esteviol. Adoçante à base de stevia

Eritritol

Misturas de um ou mais adoçantes. Edulcorante de mesa em pastilhas à base de glicosídeos de esteviol. Edulcorante à base de stevia

Xilitol

Ciclamato

Sacarina

Acessulfame K

Sucralose

A Stevia é sem dúvida, a alternativa mais natural. No entanto, o mercado não oferece adoçantes 100%. Os que existem são misturas com glicosídeos de esteviol. Substâncias que conferem o sabor adocicado, extraídas das folhas da planta Stevia. As misturas, na sua maioria, apresentam uma quantidade mínima deste extrato e são quase totalmente adoçante sintético.

Assim, não há grandes vantagens em pagar mais por um adoçante de má qualidade. Basta estar atento à lista de ingredientes para não cair em erro.

As folhas da Stevia, ao natural, podem facilitar a retirada do açúcar. Não é difícil de encontrar a planta à venda em supermercados e lojas de ervas aromáticas online. Reforçamos que apresentam um sabor a alcaçuz. Em certos pratos, pode ser difícil de combinar com outros aromas.

A recomendação mais adequada passa mesmo por desabituar o paladar do sabor doce (a verdadeira reeducação alimentar).