Fit6


18 de Novembro de 2019

CHOCOLATE – O doce prazer que pode trazer saúde!

CHOCOLATE – O doce prazer que pode trazer saúde!

Quem é fã de chocolate, que ponha o dedo no ar! Um alimento conhecido e apreciado em todos os cantos do mundo! No entanto, o chocolate, tal como o conhecemos e consumimos hoje, é resultado de sucessivos aperfeiçoamentos industriais no seu processo de fabrico.

O chocolate é produzido a partir da semente do cacau e as diferenças que existem nos vários tipos de chocolate resultam das discrepâncias na concentração de cacau. O desenvolvimento da indústria e das técnicas culinárias, originaram os vários tipos de chocolate existentes no mercado, que resultam de uma maior ou menor concentração de cacau, açúcar e gordura.

Atualmente, existem inúmeras alternativas: chocolate preto, de leite, branco, com frutos, com recheio, com caramelo, com sal, ervas aromáticas, frutos secos, entre outros, que, do ponto de vista da sua composição em ingredientes, bem como nutricional, são bastante diferentes.

O chocolate de leite tem uma menor percentagem de cacau, face ao chocolate preto. Tem também uma quantidade de açúcar e gordura superiores. Por sua vez, o chocolate branco não contém qualquer cacau e é de longe o menos saudável. Os benefícios, que tanto se ouve falar, relacionados com o consumo de chocolate referem-se às versões com maior percentagem de cacau, o chocolate preto, cuja composição é, por isso considerada a mais interessante para a saúde.

Benefícios do cacau: 

  • É rico em teobromina, uma substância da família da cafeína, com efeito estimulante, ajudando a despertar e concentrar, o que faz do chocolate um alimento com ação revigorante e energético.
  • Contém triptofano, um aminoácido responsável pela produção da serotonina – o neurotransmissor da felicidade, da sensação de prazer e de bem-estar! Este motivo faz do chocolate um poderoso antidepressivo.
  • Por reduzir a ansiedade, promove a saciedade imediata, é uma preciosa ajuda, num programa de perda de peso
  • Acão antioxidante, pela riqueza em flavonoides dos grãos de cacau, ajuda a prevenir o desenvolvimento de doenças, nomeadamente, problemas de circulação e doenças cardiovasculares. 
  • Fornece ainda vitaminas do complexo B, essenciais para a obtenção de energia a partir dos macronutrientes e reações enzimáticas e os minerais como o fósforo e o magnésio, importantes por exemplo para a formação e saúde de ossos e dentes.

Cuidados no seu consumo: 

Tal como foi descrito, o chocolate é repleto de benefícios. São excelentes notícias! No entanto, independentemente da sua versão, é alimento muito calórico (média 547kcal/100g), com uma quantidade apreciável de gordura e de açúcar. 

Como sempre, a palavra “moderação” é a palavra chave para o processo de emagrecimento. 

Assim, é importante ter-se algumas considerações: 

  • Respeitar as quantidades permitidas- 1 porção equivale a 1 quadrado de chocolate! Atenção à porção dos quadrados, que pode variar, consoante as marcas! 7 a 10g/dia é a dose recomendada.
  • Privilegiar sempre o chocolate preto com um teor de cacau, mínimo 70% (quanto mais melhor) 

Sugestões de consumo: 

  • 1 porção quando se sentir mais ansiosa. Deve deixar derreter na boca e saborear.
  • Raspas de chocolate no iogurte (dependendo da etapa em que se encontra); nas suas panquecas, com fruta ou até mesmo como cobertura dos seus frutos secos.
  • Colocar 1 colher de chá de cacau em pó (100%) num tacho com água fria. Levar ao lume até aquecer (não ferver). Uma excelente opção neste tempo mais frio, reconfortante e que promove a saciedade.